Notícias

00000000998089646461957070157

16/07/2015

Governo do Estado investe na recuperação da rodovia Feliciano Sales Cunha

Deputado estadual Carlão Pignatari foi um dos parlamentares que mais lutaram pela obra
O governo do Estado de São Paulo está investindo na recuperação da rodovia Feliciano Sales Cunha (SP-310). O deputado estadual Carlão Pignatari, líder da Bancada do PSDB na Assembleia Legislativa, um dos maiores defensores para a realização de obras de segurança na rodovia, acredita que as melhorias vão proporcionar uma drástica redução no número de acidentes.
Recentemente, em visita à região, o governador Geraldo Alckmin anunciou que mais um lote da rodovia Feliciano Sales Cunha (SP-310) vai começar a receber melhorias com dinheiro de empréstimo contraído no exterior.
Segundo ele, o processo de licitação já está em fase final e as obras no trecho entre Mirassol e Sebastianópolis do Sul (50 quilômetros) devem começar até janeiro do próximo ano. A previsão de conclusão é no início de 2017.
A rodovia terá o asfalto recuperado e receberá terceiras faixas em pontos de ultrapassagem. O projeto prevê também pontilhões nos principais cruzamentos que hoje são em nível, além de construção de trevos em rotatórias, para obrigar os veículos a diminuírem a velocidade.
O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) dividiu a extensão da rodovia – que tem 170 quilômetros, entre Pereira Barreto e Mirassol – em cinco lotes, que receberão as melhorias de maneira escalonada. Toda a obra vai custar cerca de R$ 300 milhões.
No trecho entre Ilha Solteira e Pereira Barreto (42 quilômetros) a obra já foi iniciada pela empresa vencedora da licitação e deve ser concluída no segundo semestre de 2016. Os outros três lotes ainda estão em fase de licitação.
Detalhes das obras
Neves Paulista: Obras para implantação de dispositivo em desnível no km 463,45 (SPA-463/310). Investimento: R$ 15,4 milhões. Início: Novembro de 2012. Término: Fevereiro de 2014.
Auriflama (DER): Implantação de dispositivo de segurança em nível no km 570. Investimento: R$ 3,5 milhões. Inicio: Junho de 2014. Término: Dezembro de 2014.
Nhandeara: Obras em andamento para implantação de dispositivo em desnível entre o km 507,3 e o km 510,7. Extensão: 3,4 km. Investimento: R$ 12,6 milhões. Início: Novembro de 2012. Previsão de término: setembro de 2015.
Pereira Barreto e Ilha Solteira: Recapeamento da pista e pavimentação dos acostamentos, dispositivos e implantação de faixas adicionais no trecho do km 621,91 ao km 658,33. Extensão: 36,42 km. Investimento: R$ 42,6 milhões. Início: março de 2015. Previsão de termino: novembro de 2016. Obra em andamento.
Mirassol a Nhandeara: Recapeamento da pista e pavimentação dos acostamentos e melhorias do km 454,3 ao km 518,4. Investimento: R$ 133,1 milhões. Status: Projeto concluído (BID fase II). Previsão de licitação: outubro de 2015. Previsão de inicio: janeiro de 2016. Previsão de término: julho de 2017.
Floreal, Magda e General Salgado: Recapeamento da pista e pavimentação dos acostamentos e melhorias do km 518,4 ao km 543. Extensão: 24,6 km.
Investimento: R$ 36,9 milhões. Status: Projeto em elaboração com conclusão para junho de 2015 (BID fase II). Previsão de licitação: outubro de 2015. Previsão de início: janeiro de 2016. Previsão de término: julho de 2017.
General Salgado a Pereira Barreto: Recapeamento da pista do km 545 ao km 621,91 e implantação de trevo em desnível na SPA-565/310. Extensão: 76,91 km. Investimento: R$ 118,3 milhões. Status: Projeto em elaboração com conclusão para junho de 2015 (BID fase II). Previsão de licitação: outubro de 2015. Previsão de início: janeiro de 2016. Previsão de término: julho de 2017.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp