Notícias

4370d0cc2af6479f97ac5f125e0bf8c2

19/10/2017

Deputado Carlão Pignatari e lideranças de Nhandeara reivindicam regularização de assentamento rural

Objetivo é beneficiar famílias que residem nas áreas e aguardam os títulos de propriedade

 

Itesp

 

Deputado Carlão Pignatari e lideranças de Nhandeara reivindicam regularização de assentamento rural

 

Objetivo é beneficiar famílias que residem nas áreas e aguardam os títulos de propriedade

 

O deputado estadual Carlão Pignatari (PSDB), acompanhado do prefeito de Nhandeara, Zé do Carneiro, do vice-prefeito Indalécio Ayub; do vereador José Antonio Simão; da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Flávia Cristina Zocal; e do secretário da Educação, Rodrigo Menegon; esteve em audiência com o diretor adjunto de Recursos Fundiários da Fundação Itesp (Instituto de Terras do Estado de São Paulo), Gabriel Veiga, na tarde desta segunda-feira (16/10), para tratar sobre a assinatura de convênio para a regularização de um assentamento rural.

São 31 áreas rurais da Associação dos Pequenos Produtores Rurais Brasil Rural, cujas famílias aguardam a regularização para o georreferenciamento e individualização dos projetos. O pedido é de solicitação de orçamento para execução de serviços técnicos especializados para regularização fundiária. No mês passado, o deputado Carlão conseguiu junto ao Itesp dar início à regularização fundiária de um bairro em Tanabi, denominado Sítio do Estado, beneficiando 450 famílias, e de dois assentamentos rurais em Monções, onde residem 57 famílias.

O deputado destacou que o Itesp tem dado especial atenção para esses casos, para ajudar as famílias. O próximo passo será o mapeamento topográfico da área para que seja feita a individualização. Para Carlão, é muito importante que os proprietários das áreas obtenham a documentação dos imóveis, pois, poderão investir e melhorar seus empreendimentos para valorizar a propriedade e produzir mais.

“A regularização dessas 31 áreas será muito importante para essas famílias que passem a ser proprietários legítimos e de fato de seus imóveis”, destacou o deputado Carlão Pignatari.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp