Notícias

00000001336836641520903386161

06/05/2014

Deputado Carlão Pignatari visita Projeto Casulo em Andradina

Distribuição da água até o assentamento foi feita com a ajuda do deputado Carlão
O deputado estadual Carlão Pignatari visitou, na tarde do último sábado (dia 26/04), o assentamento do Projeto Casulo, no município de Andradina, instalado próximo ao perímetro urbano. O assentamento é uma alternativa complementar à reforma agrária, proporcionando trabalho, renda e segurança alimentar para aproximadamente cem famílias, que vivem em barracos às margens da rodovia.
O assentamento é dividido em módulos que comportam um número maior de famílias atendidas. No local, os agricultores familiares cultivam hortifruti, grãos (milho) e criam animais.   
De acordo com os organizadores, “o Projeto Casulo incentiva a inclusão social e a afirmação da dignidade e o exercício da plena cidadania”. O processo já está nas mãos do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) para a realização da reforma agrária e o desenvolvimento socioeconômico das famílias.
O líder dos assentados em Andradina é Pedro Donizete Rodrigues da Cruz, que solicitou ao deputado Carlão Pignatari que conseguisse as mangueiras para distribuir água para as famílias. Numa parceria com o proprietário da área, Carlão viabilizou todo o material e a água já está disponível aos assentados, que vivem em barracos.
Segundo Pedro da Cruz, o projeto Casulo é uma modalidade de assentamento rural desenvolvida em parceria com os municípios. Cabe à prefeitura ceder as terras e ao Incra a implantação dos programas voltados aos produtores rurais assentados, como crédito e assistência técnica.
Entre os projetos a serem desenvolvidos no local estão a capricultura, que teve a adesão de 32 pessoas e piscicultura, com a opção de 42 pessoas. O grupo aguarda a oficialização para que as 100 famílias sejam cadastradas na superintendência do Incra em São Paulo.
“Espero que o processo seja agilizado para que aqueles agricultores tenham um local digno para trabalhar e morar”, disse o deputado Carlão Pignatari.
 
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp